Fechar
Stats 22 Novembro 2020, 19:07

8 estatísticas marcantes contra o PSG

8 estatísticas marcantes contra o PSG
Autores de uma reação soberba no segundo tempo contra o Paris Saint-Germain, os jogadores de Niko Kovac conseguiram derrubar o líder do campeonato graças a um desempenho de alto nível

Ao derrubar o Paris Saint-Germain no Stade Louis-II, os jogadores de Niko Kovac provaram que têm recursos. O treinador também fez questão de sublinhar a reação dos seus homens, que mostraram grande carácter, após o duelo.

Um mesmo caráter que tinha sido necessário para segurar a vitória no 99º Derby de la Cote d’Azur até os minutos finais, antes da pausa internacional. Um desempenho de alto nível no segundo período que se refletiu nas estatísticas deste clássico da 11ª rodada da Ligue 1. Confira alguns números marcantes desta vitória sobre o líder parisiense (3-2), com o nosso parceiro STATS.

 

9

O AS Monaco está invicto nas últimas nove partidas em casa na Ligue 1 (seis vitórias e três empates), sua melhor série desde dezembro de 2017 a agosto de 2018 (13). Apenas o Lyon está melhor no momentoa.

4

Kevin Volland marcou quatro gols em suas últimas três partidas na Ligue 1 pelo AS Monaco. Apenas Wissam Ben Yedder (6) balançou as redes com mais frequência nesta temporada.

3,99

Este é o número de “gols esperados” para os Rouge et Blanc. Um número muito alto e bem acima do índice parisiense para esta partida (1,88), que também é muito superior à média por jogo do AS Monaco desde o início da temporada (1,98).

11

Sofiane Diop recuperou onze bolas contra o Paris Saint-Germain (assim como Rafinha), o maior total entre os jogadores monegascos. Entre todos os jogadores presentes, apenas Colin Dagba fez melhor. Vale destacar que Caio Henrique roubou sete bolas em apenas 49 minutos de jogo.

 

1

Cesc Fàbregas foi artilheiro e garçom pela 1ª vez em uma partida nas 5 grandes ligas desde 25 de fevereiro de 2017 pelo Chelsea contra o Swansea (um gol e uma assistência). É também a primeira vez que ele consegue este desempenho depois de entrar no intervalo.

3

Além de marcar, o meio-campista espanhol fez três passes antes de um chute, em apenas 49 minutos de jogo: este é o maior total da partida, empatado com Youssouf Fofana.

110,6

Os jogadores de Niko Kovac percorreram 110,6 quilômetros nesta partida, oito quilômetros a mais do que os parisienses (102,2).

2

Esta é apenas a segunda vez na era QSI que o Paris perde depois de liderar por dois gols em uma partida da Ligue 1, depois de 10 de janeiro de 2015 em Bastia (2-4).

1 / 9
AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.