Fechar
Supporters 22 Maio 2022, 02:22

AS Monaco concede um empate cruel contra o Lens

AS Monaco concede um empate cruel contra o Lens
Dominantes no segundo tempo, em que lideraram durante trinta minutos, os Rouge et Blanc sofreram o empate no final da partida em Lens (2-2). Foi um empate cruel, que fez a equipe terminar em terceiro lugar

Ameaçado por uma equipe muito insinuante do Lens, mas ainda à frente do placar durante a última meia hora de jogo, o AS Monaco apenas empatou no norte da França (2-2) e terá que passar novamente pelos play-offs para tentar disputar a Liga dos Campeões na próxima temporada. Em busca do décimo triunfo consecutivo na liga – algo inédito desde a temporada do título de 2016-2017 –, Philippe Clement escalou o mesmo time titular que derrotou Rennes, Nice e Brest no sábado passado, por 4 a 2. Assim, Vanderson começou na ponta direita, à frente de Ruben Aguilar, que comemorou sua 100ª partida com a camisa Rouge et Blanc.

Um Alex Nübel enorme diante do ataque do Lens

O pontapé inicial desta grande partida foi dado diante de uma incrível atmosfera no Stade Bollaert-Delelis, com a presença de mil torcedores monegascos vindos de toda a França. Logo no início do duelo, ambas as defesas impediram que Wissam Ben Yedder (3′) e Seko Fofana (5′) inaugurassem o placar. Em seguida, foi Arnaud Kalimuendo quem levou perigo com um arremate de direita, que Alexander Nübel defendeu com o pé (7′).

O goleiro alemão, já decisivo contra o Brest, fez na sequência uma magnífica defesa para evitar o gol em chute colocado de Cheick Doucouré (9′), além de bloquear nova tentativa de Kalimuendo (12′). A defesa monegasca estava sob pressão nestes primeiros 15 minutos, mas a equipe reagiu com Aleksandr Golovin, que bateu cruzado para boa intervenção de Wuilker Farinez com a ponta dos dedos (17′).

Badiashile acorda os monegascos

Alex “The Wall” Nübel viria a fazer sua quarta defesa na partida, diante de Pereira Da Costa (19′). Depois, voltou a evitar o gol adversário em lance de Seko Fofana (21′). Os monegascos infelizmente seriam vazados em mais um ataque liderado por Jonathan Clauss, que cruzou rasteiro para Frankowski abrir o marcador (1-0, 30′). Caio Henrique tentou dar o troco imediatamente em cobrança de falta (34′), mas a bola ficou na barreira. 

Instantes depois, Benoît Badiashile empatou o confronto após escanteio perfeitamente cobrado por Aleksandr Golovin (1-1, 35′)!

As duas equipes voltaram do intervalo sob muito barulho dos torcedores, e Jonathan Clauss logo levou perigo à meta monegasca (51′). Na sequência, as oportunidades vieram com Pereira Da Costa, que finalizou forte por cima do travessão (53′), e Florian Sotoca, que teve seu chute defendido por Alex Nübel (54′).

Capitão Wiss, sempre ele!

A resposta veio com Aleksandr Golovin, que esteve muito perto de superar o arqueiro do Lens (57′). Os Rouge et Blanc continuaram a pressionar e Caio Henrique acertou cruzamento na cabeça de Benoît Badiashile, que quase marcou (60′). O gol estava maduro! Do outro lado do campo, Alex Nübel esticou-se todo para agarrar a bola em finalização de Florian Sotoca (61′).

O goleiro alemão, em grande atuação, permitiu ao AS Monaco manter as esperanças no jogo. E valeu a pena, já que Wissam Ben Yedder, sempre ele, marcou o seu 25º gol na temporada, completando cruzamento de Kevin Volland (1-2, 62′)! Que dupla!!! A partida tomou então novos rumos e Alexander Nübel foi novamente decisivo em um potente arremate de Seko Fofana (70′).

 

Um empate muito cruel

A defesa alvirrubra manteve-se firme nos últimos 15 minutos de partida, mesmo sob grande pressão dos anfitriões. Infelizmente, o empate veio nos acréscimos, após cobrança de falta de Ganago (2-2, 96′). O clube do Principado terá, portanto, que passar pelas duas rodadas dos play-offs para poder disputar a Liga dos Campeões na próxima temporada. Obrigado aos nossos fiéis torcedores que nos apoiaram até o fim!


A ficha do jogo

Ligue 1 Uber Eats – 38ª Rodada

RC Lens 2-2 AS Monaco

Gols: Frankowski (30′) e Ganago (96′) para o Lens; Badiashile (35′) e Ben Yedder (62′) para o AS Monaco

Cartões amarelos: Danso (33′) e Gradit (84e) para o Lens; Volland (84′), Tchouameni (86′) e Caio Henrique (88′) para o AS Monaco

Lens: Farinez – Gradit, Danso, Medina – Clauss, Doucouré, Fofana ©, Frankowski (69′) – Sotoca (Saïd, 69′), Kalimuendo (Ganago, 80′), Pereira Da Costa (Jean, 81′)

Reservas: Pandor, Haïdara, Machado, Wooh, Berg, Cahuzac, Ganago, Jean, Saïd

Treinador: Franck Haise

AS Monaco: Nübel – Aguilar, Disasi, Badiashile, C.Henrique (Maripán, 88′) – Vanderson (Jakobs, 73′), Tchouameni, Fofana, Golovin (Boadu, 58′) – Volland, Ben Yedder © (Matazo, 87′)

Reservas: Majecki, Disasi, Jakobs, Maripán, Sidibé, Diop, Gelson Martins, Jean Lucas, Matazo, Boadu

Treinador: Philippe Clement

 

 

 

Rise. Risk. Repeat.

MAS DE FATO, PARA QUE SEUS COOKIES SÃO USADOS? 🤔

Você os aceita várias vezes por dia nos vários sites que visita. Mas o que você sabe sobre eles? Obviamente, os cookies não são comidos e também não são perigosos. Eles apenas nos ajudam a personalizar sua experiência na Internet. Quando você visita o asmonaco.com, eles nos permitem primeiro analisar o público e o desempenho do site. E eles nos servem principalmente para fornecer a você anúncios e conteúdo que correspondem ao que você gosta. Observe que você pode alterar suas preferências a qualquer momento, graças aos regulamentos sobre proteção de dados pessoais. Ou entre em contato com nossa equipe para qualquer esclarecimento. Obrigado por sua confiança!

Cookies strictement nécessaires
Cookies statistiques
Cookies tiers