Fechar
Ligue 1 Conforama 29 Setembro 2019, 00:18

Festa no Louis-II

Festa no Louis-II
Os Rouge et Blanc conseguiram sua segunda vitória esta semana, ao golearem o Brest (4x1) com uma grande atuação de Islam Slimani, autor de um gol e três assistências

Após alguns minutos de observação, o AS Monaco rapidamente  acelerou o ritmo. A primeira oportunidade foi Rouge et Blanc, com Badiashile aproveitando uma cobrança de escanteio e vendo o seu chute indo para fora (5’/1ºT). Os jogadores de Leonardo Jardim ganharam mais confiança com Cesc Fàbregas no comando. Islam Slimani esteve perto de abrir o placar após cruzamento rasteiro de Gelson Martins, mas Larsonneur interveio (9’/1ºT). Ben Yedder, por sua vez, apareceu com um belo chute de direita entre vários defensores dentro da área, mas o goleiro do Brest defendeu novamente (12’/1ºT).

Ben Yedder, sempre ele

Dez minutos depois, Ballo-Touré arrancou pela ponta, passou por Faussurier e arriscou, mas Larsonneur bloqueou o chute (22’/1ºT). O AS Monaco dominava e pressionava, até finalmente abrir o placar. Após cruzamento de Martins, Slimani tocou de cabeça para Ben Yedder, que chutou cruzado diante de Larsonneur (26’/1ºT). O francês marcava seu segundo gol da semana, o quinto nesta temporada da L1. Atordoado, o Brest procurou responder com Charbonnier, mas a bola subiu demais (32’/1ºT).

AS Monaco 4-1 Stade Brestois
1 / 51

A dupla Slimani e Ben Yedder aparece novamente

O segundo período começou em ritmo lento, principalmente por causa da lesão no olho de Larsonneur (11’/2ºT) após defender chute de Bakayoko dentro da área. O goleiro do Brest não conseguiu continuar e foi substituído por Léon. Este último mal teve tempo para entrar em campo e já precisou enfrentar Ben Yedder, após passe de Slimani. O goleiro saiu e cometeu um pênalti indiscutível, que Slimani converteu na sequência.Não saciados, os monegascos buscaram o terceiro gol, mas Léon interveio nas tentativas de Ben Yedder e Slimani, sempre cúmplices em campo. Os jogadores de Leonardo Jardim continuaram pressionando e Slimani lançou perfeitamente Gelson Martins, que marcou o terceiro gol monegasco aos 27 minutos da etapa final, o seu primeiro na temporada.

Goleada

O Brest estava sufocado, mas o AS Monaco queria ainda mais. Golovin apareceu, com um chute forte de esquerda que foi defendido com dificuldade por Léon. Mesmo o golaço de Mendy para diminuir o placar não mudou a situação. Nos últimos momentos da partida, Slimani levantou novamente o público do Louis-II, dando a assistência para o gol de Keita Baldé, que havia entrado em campo alguns minutos antes no lugar de Ben Yedder. Presente em todas as boas jogadas, autor de um gol e três assistências, o argelino recebeu os aplausos da torcida. Placar final de 4 a 1, com uma segunda vitória na semana para o AS Monaco, agora em 12º lugar até o próximo desafio contra o Montpellier, na semana que vem!

AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.