Fechar
Portrait 25 Agosto 2019, 17:11

Guillermo Maripán, o colosso chileno

Guillermo Maripán, o colosso chileno
Guillermo Maripán se juntou aos Rouge et Blanc por cinco temporadas. O chileno se formou em casa antes de ingressar no Alavés-ESP, antes de assinar com o AS Monaco. Confira um pouco mais sobre o nosso novo contratado

Do alto de seu 1,93m, Guillermo Maripán incorpora o futuro do Chile. Já titular com sua seleção, especialmente durante a última Copa América, o nativo de Vitacura subiu os degraus para vencer em todos os clubes onde atuou.

Os primeiros passos no Chile

Foi com a Universidad Católica que Guillermo Maripán começou, fazendo toda a sua formação antes de ingressar aos profissionais em 2012, impressionando rapidamente seu treinador Mario Salas. Após disputar 27 jogos ao final da temporada 2015/2016, Maripán conquistou o campeonato de abertura e fechamento do Chile com seu clube, antes de ganhar meses depois a Supercopa do Chile.

Guillermo Maripán com a camisa da Universidad Católica

De reserva a pilar da defesa

Guillermo Maripán saiu de sua zona de conforto e se juntou à La Liga e o Alavés durante a temporada 2017/2018. No entanto, os começos com o clube basco foram difíceis, com o nativo de Vitacura jogando pouco e sofrendo uma mudança de treinador logo após sua chegada. Mas no ano seguinte, Maripán aproveitou a lesão de Rodrigo Ely para ganhar tempo de jogo e aproveitar muito bem a oportunidade, disputando 23 jogos do campeonato e sendo um dos pilares da equipe, em uma bela temporada que lhe rendeu uma convocação para a Copa América 2019 com o Chile.

Maripán durante sua passagem pelo Alavés

Segurança na seleção

Selecionado pela primeira vez com o Chile em 2017, Guillermo Maripán tem 15 convocações com La Roja. Ele incorporou uma geração de ouro nacional, que venceu a Copa América duas vezes consecutivas em 2015 e 2016. Memo esperou sua hora e não decepcionou, disputando todos os jogos com o Chile na última Copa América. Em uma defesa com quatro ou três, o gigante chileno se tornou um homem forte de Reinaldo Rueda. Muito complementar a Gary Medel, o defensor de 25 anos representa o futuro da seleção chilena.

Maripán diante do Peru em jogo amistoso
AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.