Fechar
Equipe 21 Julho 2020, 18:54

Niko Kovac: "O AS Monaco é um grande clube, com uma grande história"

Niko Kovac: "O AS Monaco é um grande clube, com uma grande história"
Por mais de uma hora, Niko Kovac conversou com os jornalistas em sua primeira coletiva de imprensa como treinador do AS Monaco

Os primeiros contatos com o AS Monaco

Esses contatos foram uma surpresa para mim, e o fato de tudo ter acontecido tão rapidamente explica o fato de eu estar falando com vocês hoje em inglês. Espero aprender francês rapidamente. Quanto a minha escolha, o motivo é simples: o AS Monaco é um grande clube, com uma grande história. É verdade que as últimas temporadas talvez não tenham estado à altura dos objetivos, mas trabalharemos duro para trazer o AS Monaco de volta ao topo da Ligue 1.

Sua adaptabilidade

Cada treinador tem sua própria filosofia, sua própria maneira de pensar o futebol. No passado, joguei com estilos diferentes, seja no Eintracht Frankfurt ou no Bayern de Munique. Esse também pode ser o caso no AS Monaco. Por enquanto, dou muita importância à visão geral que devo ter dessa equipe. Após esta primeira fase, poderei escolher as melhores táticas e o melhor sistema de jogo que se adapte ao time. Temos que nos adaptar. Cada treinador geralmente tem dois ou três estilos diferentes de jogo com os quais pode atuar em uma temporada, mas ainda não é fácil escolher.

Sua visão da Ligue 1

Obviamente eu estava seguindo o Campeonato Francês. O futebol francês é conhecido, a seleção nacional é bicampeã mundial e muitos grandes jogadores passaram por essa seleção e pelo AS Monaco. Trabalharei para melhorar a equipe e fazer com que as pessoas assistam ao AS Monaco com muito prazer.

A utilidade de sua experiência como jogador

Minha experiência como jogador me ajuda muito como treinador. Tive a sorte de conhecer excelentes treinadores com quem pude trabalhar e essa é a experiência que pude usar como treinador e como gerente. Essas são as ferramentas que uso o máximo possível. Acho que o trabalho realizado no passado por mim, meu irmão e minha equipe pode demonstrar isso.

Os objetivos do AS Monaco

Não podemos mudar o passado e as últimas temporadas. No entanto, podemos trabalhar no futuro. Viemos aqui para que o AS Monaco encontre as alturas e o topo da classificação. Nosso objetivo é voltar às competições europeias.

Seus primeiros contatos com o elenco

Os primeiros contatos com o elenco e a comissão técnica foram muito bons. Percebi muitas coisas positivas nessas primeiras sessões, que foram muito intensas. Como treinador, precisamos de tempo, mas acredito que as cinco semanas que temos pela frente serão úteis para prepararmos bem a temporada e alcançarmos os objetivos que estabelecemos para nós mesmos. Estou certo de que Paul Mitchell, Oleg Petrov e eu podemos encontrar as soluções para tornar a equipe ainda melhor.

Contratações

Teremos nosso primeiro amistoso amanhã. Eu preciso ter uma visão geral do elenco. Teremos então discussões com Oleg Petrov e Paul Mitchell para melhorar a equipe e tenho toda a confiança neles para fazer as escolhas certas. Eles farão o possível para colocar à minha disposição uma equipe muito boa, e acredito neles. Essa é uma das razões pelas quais me envolvi, confio neles. Agradeço a eles, assim como ao Presidente Dmitri Rybolovlev, pela confiança que depositam em mim e estou muito motivado a retribuir.

Sua metodologia de trabalho

Jogo um futebol intensivo. Isso requer estar em boa forma para poder praticá-lo. Tive a oportunidade de fazer muitos preparativos em minha carreira e sei que é importante estar em boa forma física, mas também técnica e taticamente. Teremos que usar todos os dias pelas próximas cinco semanas para trabalhar nesses aspectos da melhor maneira possível. Será necessário muita paixão e trabalho duro para o nosso primeiro jogo em agosto e faremos todo o possível para chegarmos em grande forma.

O jogo ofensivo do AS Monaco no passado

Obviamente me lembro do passado do AS Monaco. Joguei aqui em 1997-1998 com o Leverkusen contra jogadores como David Trézeguet, Thierry Henry ou Fabien Barthez. Foi um time muito bom, que fez um bom jogo. Eu também sou fã disso, mas você também precisa pensar em se defender. Temos que encontrar o equilíbrio certo e é isso o que estou buscando. Sempre tentei jogar um futebol atraente, mas isso significa trabalhar com os jogadores e transmitir as mensagens. Tenho confiança neste elenco e tenho certeza de que faremos um bom trabalho para que isso aconteça.

Robert Moreno

Se encontrei Robert Moreno? Não, não o vi. Oleg Petrov me perguntou se eu não me importava dele ir cumprimentar os jogadores, e obviamente disse que não, achei isso normal. Ele conseguiu conversar com os jogadores antes de sua despedida e acho isso muito bom.

Sua comissão técnica

Há três pessoas comigo na minha equipe: meu irmão Robert, meu primeiro assistente, que, como você pode imaginar, é uma pessoa de grande confiança para mim, em quem posso confiar em todas as circunstâncias e que também teve uma ótima carreira como jogador. Também há Goran Lackovic, meu segundo assistente e com quem trabalhei na seleção croata, assim como Walter Gferer, um austríaco que estará mais focado na preparação física. Somos uma equipe pequena, mas sólida e que se conhece bem, com a qual obviamente podemos contar. Para os goleiros, no momento temos Christophe, que está fazendo um ótimo trabalho. Estamos conversando com Oleg e Paul, portanto, estamos atentos a possíveis oportunidades no mercado. Mas por enquanto seguiremos assim.

A mistura entre juventude e experiência

O importante é ter uma boa mistura. Não é um problema trabalhar com jogadores jovens, pelo contrário, é algo que eu realmente aprecio. Comecei no grupo Red Bull e cuidei das equipes de jovens por um ano e meio. Muitos deles jogam hoje na Bundesliga e é motivo de orgulho ver o seu progresso. Também me dediquei a jovens talentos croatas como Brozovic, Kovacic, Vrsaljko, que floresceram hoje. O AS Monaco é famoso por seu centro de formação, a Academy, que trouxe muitos grandes jogadores. Os jovens trabalham bem e fazem os mais velhos funcionarem. Por trás, os benefícios são sentidos, é realmente uma coisa boa.

As instalações do clube

Estou muito feliz com o que pude descobrir desde domingo. Quando cheguei, disse imediatamente a Paul Mitchell: 'Eu amo esse centro de treinamento. Há também este maravilhoso projeto com o novo CT. Por enquanto, é verdade que é simples, mas existe uma ótima atmosfera e é realmente um bom presságio para trabalhar.

Os croatas que brilharam no AS Monaco

Conheço bem Danijel Subasic, ele fez um trabalho maravilhoso aqui. Telefonarei para ele em breve para ouvi-lo e conversar sobre o AS Monaco. Também chamarei Dado Prso, porque ele é alguém que eu aprecio e com quem atuei na seleção croata. Como ele mora perto de Mônaco, será um grande prazer vê-lo novamente.

Os torcedores

Conheço um pouco a situação do AS Monaco e isso não impede que haja muitos torcedores, pelo o que pude ver. Isso é algo muito positivo, porque eles serão capazes de nos encorajar por toda a França. Cabe a nós fazer o nosso melhor para trazer a torcida nos jogos em casa.
AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.