Fechar
Ligue 1 Conforama 23 Setembro 2021, 02:34

O AS Monaco volta a vencer contra o Saint-Étienne!

O AS Monaco volta a vencer contra o Saint-Étienne!
Liderados pela dupla Yedderland (dois gols de Wissam Ben Yedder e um gol de Kevin Volland), os Rouge et Blanc conquistaram a sua primeira vitória em casa na temporada contra os Verts (3-1)

Três dias após empatar com o OGC Nice (2-2), o AS Monaco já voltou à ação na Ligue 1. Enfrentando o AS Saint-Étienne pela sétima rodada da Ligue 1, os Rouge et Blanc venceram por 3-1 no Stade Louis-II. Nessa partida, Niko Kovac iniciou com nova formação, marcada pelo retorno do 4-4-2 e pela ausência de Aurélien Tchouameni, que foi substituído por Eliot Matazo.

Kevin Volland abre a conta

Houve pouco tempo para as coisas se acalmarem no começo do jogo. Krépin Diatta, novamente titular pela direita, criou a primeira oportunidade com um belo chute defendido por Etienne Green (3’/1ºT). Os Stéphanois no entanto foram rápido na reação e acertaram o poste duas vezes na mesma jogada (11/1ºT), primeiro com Wahbi Khazri e então em um chute de Denis Bouanga.

Mas seria o AS Monaco o primeiro a abrir o placar. Num rápido contra-ataque liderado por Krépin Diatta, Youssouf Fofana encontrou Kevin Volland, e o artilheiro alemão chutou no poste mais próximo do goleiro Stéphanois. Graças a isso, o camisa 31 monegasco marcou o seu primeiro gol no campeonato e o segundo na temporada, após marcar uma vez em Praga, durante a terceira rodada eliminatória da Champions League.

9 minutos de loucura

Buscando aproveitar o momento, os Rouge et Blanc estavam pressionando bastante. Aos 32 minutos, Youssouf Fofana fez uma tentativa magnífica pela direita, que infelizmente acertou o poste esquerdo. Um minuto depois o AS Monaco se encontraria em vantagem numérica após a expulsão de Etienne Green, que chegou atrasado em Myron Boadu.

A falta foi cobrada por Djibril Sidibé no limite da área, mas Stefan Bajic fez bem em manter a bola fora da linha. Os monegascos foram surpreendidos por Denis Bouanga pouco antes do intervalo. Sozinho no segundo poste, o gabonês conseguiu bater Alexander Nübel (41’/1ºT) com uma finalização afiada.

Ben Yedder marca no seu primeiro toque

Com a sua superioridade numérica, o AS Monaco cercou o gol do AS Saint-Étienne no começo do segundo tempo, mas, no entanto, eles estiveram próximos de serem surpreendidos de novo por Bouanga, que acertou a trave (12’/2ºT). O momento não teve consequências, já que, três minutos depois, os monegascos obtiveram um pênalti por conta da mão na bola de Timothée Kolodziejczak. No primeiro toque, Wissam Ben Yedder converteu o pênalti, tendo entrado na partida poucos segundos antes.

Revigorado, o AS Monaco empurrou o adversário e as oportunidades surgiram uma atrás da outra, inclusive duas vezes com Aleksandr Golovin. Atrás da defesa, uma tentativa do russo foi espalmada por Stefan Bajic, com um chute certeiro em direção ao canto superior (19’/2ºT). Depois, “Golo” deu um chute certeiro da entrada da área, e a bola passou raspando o ângulo (25’/2ºT).

O capitão Wissam fecha a partida

Permanecendo dominante (14 chutes, 6 no alvo), os homens de Niko Kovac marcaram um gol para fechar o resultado, graças ao inevitável Wissam Ben Yedder. Num cruzamento perfeito do colega de ataque Kevin Volland, o camisa 10 finalizou de primeira entre as pernas do goleiro (41’/2ºT), marcando o seu terceiro gol em dois jogos!

Esse resultado permite ao AS Monaco subir provisoriamente para o 12º lugar na tabela. O próximo jogo é no domingo, em Clermont, às 17h no horário local (12h no horário de Brasília), onde esperamos seguir a boa dinâmica.


A ficha do jogo

Ligue 1 Uber Eats – 7ª rodada

AS Monaco – AS Saint-Étienne

Gols: Volland (28’/1ºT), Ben Yedder (17’/2ºT), (41’/2ºT) para o AS Monaco; Bouanga (41’/2ºT) para o AS Saint-Étienne

Cartões amarelos: Sidibé (23’/1ºT) para o AS Monaco; Kolodziejczak (16’/2ºT) para o AS Saint-Étienne

Cartão vermelho: Green (33‘/1ºT) para o AS Saint-Étienne

AS Monaco: Nübel – Sidibé (Aguilar, 1’/2ºT), Disasi, Badiashile, C. Henrique (Pavlovic, 42’/2ºT)– Diatta (Tchouameni, 26’/2ºT), Matazo (Golovin, 1’/2ºT), Fofana, Diop – Volland (Jean Lucas, 44’/2ºT), Boadu (Ben Yedder, 16’/2ºT)

Reservas: Majecki, Pavlovic, Aguilar, Fabregas, Jean Lucas, Tchouameni, Golovin, Gelson Martins, Ben Yedder

Treinador: Niko Kovac

AS Saint-Étienne: Green – Nadé (Youssouf, 36’/1ºT), Moukoudi, Kolodziejczak, Trauco – Camara, Neyou – Bouanga (Aouchiche, 34’/2ºT), Khazri (Boudebouz, 34’/2ºT), Nordin (Bajic, 36’/1ºT) – Krasso (Hamouma, 25’/2ºT)

Reservas: Bajic, Sow, Silva, Gourna, Youssouf, Boudebouz, Aouchiche, Ramirez, Hamouma

Treinador: Claude Puel-

Rise. Risk. Repeat.

MAS DE FATO, PARA QUE SEUS COOKIES SÃO USADOS? 🤔

Você os aceita várias vezes por dia nos vários sites que visita. Mas o que você sabe sobre eles? Obviamente, os cookies não são comidos e também não são perigosos. Eles apenas nos ajudam a personalizar sua experiência na Internet. Quando você visita o asmonaco.com, eles nos permitem primeiro analisar o público e o desempenho do site. E eles nos servem principalmente para fornecer a você anúncios e conteúdo que correspondem ao que você gosta. Observe que você pode alterar suas preferências a qualquer momento, graças aos regulamentos sobre proteção de dados pessoais. Ou entre em contato com nossa equipe para qualquer esclarecimento. Obrigado por sua confiança!

Cookies strictement nécessaires
Cookies statistiques
Cookies tiers