Fechar
WHAT A GOAL ! 28 Novembro 2019, 19:57

WAG: A cabeçada de Klinsmann

WAG: A cabeçada de Klinsmann
Há 27 anos, Jurgen Klinsmann voou alto e cabeceou sem defesa no canto esquerdo de Bernard Lama. Um gol que colocou o AS Monaco no caminho da vitória contra o PSG e digno do primeiro aniversário desta seção "What A Goal!", que acumulou em doze meses mais de 2,5 milhões de visualizações

Principais concorrentes do Olympique de Marselha, então tricampeão consecutivo, AS Monaco e PSG se enfrentavam no Stade Louis-II, pela 16ª rodada. No pontapé inicial, os parisienses, segundo colocados, estavam três pontos à frente dos monegascos, em quarto lugar.

Este jogo também marcava o retorno de George Weah ao Stade Louis-II, ele que ingressou no PSG no verão anterior, substituído por Jurgen Klinsmann no comando do ataque monegasco. O duelo de artilheiros foi curto, com Weah sendo forçado a deixar o campo por lesão no início do segundo período.

No entanto, foram os parisienses que abriram o placar, graças a um infeliz gol contra de Franck Dumas no 20º minuto. Mas o AS Monaco tinha personalidade e logo empatou. Jerome Gnako mostrou grande raça ao recuperar a bola dos pés de Ricardo Gomes. O meia viu Klinsmann dentro da área parisiense e realizou um cruzamento perfeito.

A sequência dispensa comentários, com uma cabeçada magistral do campeão mundial alemão, deixando Bernard Lama sem reação no gol de empate monegasco (21’/1ºT). Menos de dez minutos depois, o brasileiro Luis Henrique deu a vantagem ao AS Monaco (30’/1ºT), antes de Yuri Djorkaeff completar a vitória no final do jogo (42’/2ºT).

Apesar desse resultado, Arsène Wenger e seus jogadores terminaram a temporada 1992-1993 no terceiro lugar, com o mesmo número de pontos que o PSG (51), mas com saldo de gols menor (27 x 32). Campeão com apenas dois pontos à frente de seus dois perseguidores, o OM perdeu a taça por causa do caso “VA-OM”.

28 de novembro de 1992 – Stade Louis-II
Division 1 – 16ª rodada
AS Monaco 3×1 PSG
Árbitro: Sars
Gols: Klinsmann (21’/1ºT), Henrique (30’/1ºT), Djorkaeff (42’/2ºT) para o AS Monaco; Dumas (20’/1ºT) para o Paris
AS Monaco: Ettori, Blondeau (Valéry, 24’/1ºT), Thuram, Dumas, Petit, Puel, Dib, Gnako, Pérez (Djorkaeff, 18’/2ºT), Henrique, Klinsmann – Treinador: Arsène Wenger
PSG: Lama, Kombouaré, Ricardo, Roche, Colleter, Guéri, Fournier (Bravo, 9’/2ºT), Le Guen, Valdo, Ginola, Weah (Calderaro, 6’/2ºT) – Treinador: Artur Jorge

AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.