Fechar
Ligue Europa 17 Março 2022, 22:25

Fim da aventura europeia do AS Monaco

Fim da aventura europeia do AS Monaco
Ao final de um jogo com muita intensidade, os Rouge et Blanc não conseguiram reverter a desvantagem do jogo de ida frente a uma equipe muito fechada do Braga (1-1)

Apesar das inúmeras tentativas contra uma defesa do Braga muito fechada, os jogadores do AS Monaco não conseguiram fazer melhor do que um empate em casa (1-1). Um resultado insuficiente para continuar a aventura na Liga Europa. Na tentativa de reverter os dois gols de desvantagem do jogo de ida, Philippe Clement optou por alinhar um 4-4-2 com Jean Lucas no meio-campo e a dupla Gelson Martins e Diop pelas pontas.

Uma dominação estéril

Logo no 3º minuto de jogo, Ricardo Horta assustou o estádio com um remate de fora da área, defendido por Alexander Nübel. A resposta foi imediata e assinada por Gelson Martins, que também errou o alvo (5′). A cobrança de falta de Jean Lucas foi defendida em duas etapas por Matheus (8′). E como que para honrar o seu status de equipe que mais finaliza de longe na Liga Europa, o Braga continuou tentando.

E infelizmente, tal como na ida, os portugueses abriram o placar com Abel Ruiz, novamente ele, pegando uma sobra após uma linda defesa de Nübel (0-1, 19′). Os Rouge et Blanc tentaram reagir de imediato com uma cabeçada de Axel Disasi (25′). Após grande jogada coletiva, Gelson Martins serviu Kevin Volland, mas Matheus defendeu novamente (33′). Depois, foi a vez de Wissam Ben Yedder parar no goleiro adversário (35′).

Mudança tática

O capitão monegasco se destacou assim que voltou do vestiário com um novo chute forte de perto (50′). O gol não saía, o que obrigou o técnico belga a fazer uma mudança tripla, deixando a equipe com três zagueiros. Uma oportunidade para Caio Henrique e Vanderson atuarem mais à frente, como neste cruzamento do lateral-direito para a cabeçada de Kevin Volland (57′).

O alemão conseguiu deslizar a bola na pequena área para Myron Boadu, mas o holandês foi travado pela retaguarda portuguesa (59′). Num raro contra-ataque, Abel Ruiz quase aumentou a vantagem, em uma bomba espalmada por Alexander Nübel (60′). Mas o AS Monaco rapidamente recuperou o controle do duelo, e Kevin Volland volta a ser travado pela defesa do Braga (68′).

Fim da aventura europeia

Lucas Mineiro esteve perto de matar o jogo em uma cabeçada que raspou a trave esquerda de Nübel (79′). A resposta veio com Vanderson, em chute defendido em dois tempos por Matheus (82′).

A esperança renasceu em uma cabeçada furiosa de Axel Disasi, após cobrança de escanteio de Aleksandr Golovin (1-1, 90′). Mas infelizmente os Rouge et Blanc ainda tinham uma desvantagem de dois gols, e o jogo terminou com este empate. Teremos que levantar a cabeça neste fim de semana contra o Paris Saint-Germain, pela Ligue 1.


A ficha do jogo

Liga Europa – Oitavas de final 

AS Monaco 1-1 SC Braga

Gols: Disasi (90′) para o AS Monaco; Ruiz (19′) para o Braga 

Cartões amarelos: Jean Lucas (40′), Golovin (62′) e Maripán (86′) para o AS Monaco 

AS Monaco: Nübel – Vanderson (Aguilar, 84′), Disasi, Badiashile, C.Henrique (Jakobs, 62′) – Gelson Martins (Boadu, 52′), Jean Lucas (Maripán, 52′), Tchouameni, Diop (Golovin, 52′) – Volland, Ben Yedder ©

Reservas: Majecki, Mannone, Aguilar, Jakobs, Maripán, Matsima, Okou, Sidibé, Akliouche, Fofana, Golovin, Matazo, Boadu

Treinador: Philippe Clement

SC Braga: Matheus – Paulo Oliveira, Carmo, Tormena – Fabiano, Al Musrati, André Horta (Lucas Mineiro, 69′), R.Gomes (Moura, 62′) – André Castro (Medeiros, 75′), Abel Ruiz (Vitinha, 75′), R.Horta ©

Reservas: Tiago Sá, Buta, Yan Couto, Leite, Soares, Pinto, Moura, B.Couto, Rodrigues, Lucas Mineiro, Miguel Falé, Medeiros, Vitinha

Treinador: Carlos Carvalhal

*Baixe agora o AS Monaco App (disponível no Google Play e na Apple Store)

Rise. Risk. Repeat.