Fechar
Ligue 1 Conforama 28 Fevereiro 2021, 18:44

O AS Monaco vence a décima diante do Brest

O AS Monaco vence a décima diante do Brest
Os homens de Niko Kovac garantiram mais uma vitória contra Brest no Stade Louis-II (2-0), a décima na Ligue 1 em 2021. Stevan Jovetić e Kevin Volland conduziram os Rouge et Blanc a uma vitória sólida no segundo tempo, para estender esta famosa série de invencibilidade

Para enfrentar o Brest, Niko Kovac decidiu confiar na mesma equipe titular da semana passada contra o Paris (2 a 0). O estrategista monegasco estava de fato renovando o híbrido 3-4-3, com Ruben Aguilar pela direita e Caio Henrique pela esquerda. Do lado do Brest, Olivier Dall’Oglio teve que montar sua equipe sem Christophe Herelle.

Um bom início

Os Rouge et Blanc fizeram um bom início de jogo, assim como foi contra os parisienses no último domingo. Gautier Larsonneur foi rapidamente alertado por Ruben Aguilar. O camisa 26 monegasco disparou pela direita e seu chute obrigou o goleiro a ficar atento (5’/1ºT).

Dominantes em campo, os monegascos procuraram Caio Henrique inúmeras vezes para conseguirem cruzamentos. Com meia hora de jogo, o clube do Principado criou sua maior oportunidade do primeiro tempo após um toque de mão de Romain Perraud dentro da área. Wissam Ben Yedder cobrou o pênalti, mas parou em Gautier Larsonneur (28’/1ºT). As duas equipas encerram estes primeiros 45 minutos com um empate sem gols.

Pressão na etapa final

Quando voltaram dos vestiários, os Rouge et Blanc mostraram-se perigosos desde o início, como de costume. O capitão Wissam Ben Yedder acendeu o primeiro alerta com um chute à queima-roupa, mas Larsonneur fez uma defesa decisiva (2’/2ºT). Poucos minutos depois, foi a vez de Caio Henrique acertar o travessão após bela finalização com o pé esquerdo (10’/2ºT).

Imparável, o goleiro bretão destacou-se pela enésima vez após um chute de Ruben Aguilar (13’/2ºT). Niko Kovac fez uma tripla alteração, com as entradas de Aleksandr Golovin, Krépin Diatta e Stevan Jovetić (28’/2ºT). Na sequência, Aurélien Tchouameni não conseguiu enganar Larsonneur, que fez mais uma bela defesa após a cabeçada do monegasco (30’/2ºT).

Um banco novamente decisivo

Mas a luz veio, como muitas vezes em 2021, através dos reservas. Já decisivo contra o Marselha vindo do banco, Stevan Jovetić finalmente desbloqueou a situação da entrada da área. Após uma jogada de Aleksandr Golovin, o chute rasteiro do montenegrino foi milimétrico, para fazer justiça ao placar (1-0, 31’/2ºT). No final do jogo, Kevin Volland selou o resultado ao receber de forma inteligente na primeira trave um cruzamento de Golovin (2-0, 45’/2ºT).

Uma nova vitória que permite aos monegascos permanecerem invictos em 2021, com dez vitórias obtidas em onze jogos da Ligue 1. Não há tempo para respirar, no entanto. O próximo jogo do AS Monaco será na quarta-feira, contra o Ststrasbourg, no Stade de la Meinau.

A ficha do jogo:

Ligue 1 Uber Eats – 27ª rodada

AS Monaco 2 – 0 Stade Brestois

Gols:  Jovetić (31’/2ºT) e Volland (45’/2ºT) para o AS Monaco

AS Monaco: Lecomte – Disasi (Sidibé, 36’/2ºT), Maripan, Badiashile – Aguilar (Diatta, 14’/2ºT), Fofana (Fàbregas, 24’/2ºT), Tchouameni, Caio Henrique (Golovin, 14’/2ºT) – Diop, Ben Yedder © (Jovetić, 14’/2ºT), Volland.

Treinador: Niko Kovac

Stade Brestois:  Larsonneur – Pierre-Gabriel (Faussurier, 36’/2ºT), Chardonnet, Brassier, Perraud – Jean Lucas, Belkebla © (Philippoteaux, 36’/2ºT), Lasne – Honorat (Cardona, 28’/2ºT), Mounié (Charbonnier, 28’/2ºT), Faivre.

Treinador: Olivier Dall’Oglio

AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.