Fechar
Ligue 1 Conforama 26 Outubro 2019, 01:39

Primeira vitória fora de casa!

Primeira vitória fora de casa!
Era o objetivo, foi alcançado! O AS Monaco vence sua primeira vitória fora, onde nenhum time venceu ou marcou até agora, uma vitória que marca o retorno do AS Monaco na primeira metade da classificação, na 11ª rodada. Mais uma vez, Wissam Ben Yedder decidiu.

Contra um Nantes ainda invicto em casa e sem sofrer gols, os Vermelhos e Brancos sabiam desde o início que precisariam ser eficazes neste jogo. Eles foram os primeiros a levar perigo em jogada de Slimani para Dias, o português cruzou para Ben Yedder, que de cabeça, não venceu Lafont. Cinco minutos depois, a resposta do Nantes veio, com Lecomte aparecendo antes de Coulibaly, aos nove. Novo encontro com o atacante aos quinze, mas finalizando por cima do gol.

O golaço de Ben Yedder

Apoiados por quase 500 torcedores, os Vermelhos e Brancos seguiram em cima e encontraram a brecha aos 22 minutos. Em jogada entre Gil Dias, Golovin e Slimani, o internacional russo encontrou Ben Yedder e tocou em profundidade. Ele driblou Fabio e Pallois e finalizou com força. Jogada perfeita de ponta a ponta. Lesionado na finta de Ben Yedder, Fabio precisou deixar o campo, com luxação no joelho.

FC Nantes 0-1 AS Monaco
1 / 13

Lecomte perfeito contra Coulibaly

Autor do seu 9º gol da temporada, o atacante monegasco foi o primeiro adversário a encontrar as redes em La Beaujoire desde o início do campeonato. Mas assim que o jogo recomeçou, o Nantes esteve próximo do empate, com cabeceio de Simon, aos 26′. Ben Yedder marcou o segundo gol monegasco na sequência, mas o VAR confirmou o impedimento por centímetros. O ritmo caiu nos últimos quinze minutos, mas Lecomte ainda salvou em cabeçada à queima-roupa de Coulibaly, pouco antes do intervalo.

Quase a dobradinha de Ben Yedder

No retorno dos vestiários, a pressão foi da equipe mandante. Simon achou Coulibaly aos 51′ e a finalização foi no poste defendido de Lecomte. O AS Monaco segurou a tempestade e voltou a marcar um segundo gol, novamente com Ben Yedder servido por Dias, mas o lance foi anulado por impedimento de Slimani no início da jogada. Com a ajuda do VAR, o árbitro demorou a decidir, mas anulou a dobradinha do atacante monegasco.

1 / 51

Vitória sem sofrer gol!

O AS Monaco voltou a atacar com Bakayoko encontrando Gelson, a finalização do português foi defendida por Lafont aos 66′. Ao final de jogo, Youhan ainda enfrentou Lecomte na área, mas assim como no primeiro tempo, o goleiro monegasco se mostrou decisivo e permitiu conservar a vantagem para a sua equipe. Gol precioso que trouxe a tão desejada primeira vitória fora de casa. Vitória sem sofrer gols, prazer duplo para a equipe que agora foca na partida contra o OM, pela Coupe de la Ligue.

AS Monaco uses cookies on this website. With your agreement, we use them to access how this website is used (analytic cookies) and to adapt it to your needs and interests (customization cookies depend on your browsing and your browser). By continuing your browsing, you give us the permission to use them.